NO HOSPITAL, MAIO AMARELO ALERTA SOBRE ACIDENTES DE TRAJETO

30/05/2017


Semana de Prevenção a Acidentes de Trânsito busca conscientizar colaboradores

A Comissão Interna de Prevenção a Acidentes de Trabalho, juntamente com o Serviço Especializado em Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT), realizou de 22 a 26 de Maio a Semana de Prevenção de Acidentes de Trânsito do Hospital 'Carlos Fernando Malzoni'. Com banners de conscientização e alerta, a Semana, que é parte das ações do Maio Amarelo – movimento internacional de conscientização para redução de acidentes de trânsito -, buscou alertar os colaboradores sobre os perigos das imprudências no trânsito. Para o técnico de segurança do trabalho, Jonas Contarim, a discussão de temas como esse devem ser recorrentes no ambiente de trabalho. “Vemos diariamente o resultado de imprudências no trânsito chegarem até a nossa instituição e ocorrem também com nossos colaboradores. A Semana de Prevenção a Acidentes de Trânsito foi realizada justamente para conscientizar nossos colaboradores e multiplicar informações importantes como essas”, ressalta.

Além dos banners, os integrantes da CIPA incorporam a cor do movimento como uniforme e, durante toda a semana, vestiram-se com peças na cor amarela. “Foi uma forma de chamar a atenção de todos que passaram pelo Hospital e , claro, alertar sobre as questões pertinentes aos nossos funcionários como acidentes de trajeto, direção perigosa quando atrasado e respeito aos demais motoristas”, explica o técnico de segurança. Na quinta-feira, 25, o especialista em condução de veículos, Cleber Mazini, conversou com os colaboradores em uma palestra e pode tirar dúvidas, levantar questionamentos e atualizá-los sobre a importância da direção consciente.

Com o auditório da instituição lotado, o palestrante pode lembrar sobre os perigos do excesso de velocidade, combinação álcool e direção e, claro, uso de aparelho celular. “Pode parecer um assunto já falado, mas nós precisamos insistir na prevenção de acidentes de trânsito. Hoje, o número de acidentes causados por uso de celular ao volante vem superando as taxas de acidente por motoristas embriagados. A direção consciente nunca pode sair de moda”, afirma Manzini.

Fonte: Hospital de Matão


Ajude Mais

OUVIDORIA

Colabore conosco e registre aqui sua avaliação sobre estes quesistos.

ACESSE NOSSO CANAL