Telefone: (16) 3383-2500
Agendamento de Exames: (16) 3506-5500
Eventos

IV SINPACI aborda novas tecnologias

No último dia 26 de outubro, o Hospital Carlos Fernando Malzoni, por meio do seu Instituto Cardiovascular, realizou o IV SINPACI (Simpósio Nordeste Paulista de Cardiologia Intervencionista), no Araucária Flat Hotel, em Araraquara. O evento, idealizado pelos médicos cardiologistas intervencionistas, João Orávio de Freitas Jr., Said Assaf e Sérgio Berti, chega em sua quarta edição, voltando os olhos da cardiologia intervencionista para o interior do estado. Na programação, além de nomes conhecidos na cidade como a superintendente do Hospital de Matão, Denise Minelli e o diretor técnico da instituição, Dr. César Minelli, renomados profissionais puderam compartilhar conhecimento científico de ponta.O objetivo do evento foi discutir os avanços e o futuro da cardiologia intervencionista, direcionando médicos e estudantes de medicina em três temáticas atuais como: a intervenção nos cenários de alto risco hemorrágico; as fronteiras no manejo da doença coronária obstrutiva; e a intervenção percutânea nas cardiopatias estruturais (TAVI).Para o coordenador do Centro de Hemodinâmica de Matão, Dr. João Orávio de Freitas Jr., encontros como esse são fundamentais para atualização e debates de novas ideias. “O simpósio proporciona aos cardiologistas e demais profissionais da saúde da região o acesso a informações atualizadas sobre temas importantes da cardiologia intervencionista. Contamos com a presença de médicos que são referências na área para transmitir esses conhecimentos aos cardiologistas”, comenta o hemodinamicista.Contemplando assuntos que vão desde o cardiologista clínico ao intervencionista, as discussões demonstraram que as novas tecnologias trouxeram mais segurança aos procedimentos. “Os stents foram ao longo do tempo ganhando melhorias tecnológicas em sua usinagem e confecção para maior biocompatibilidade e para que não cause doenças adicionais. Além disso, durante a adaptação, o paciente precisa tomar medicamentos para afinar o sangue, e com essa nova arquitetura do stent em apenas um mês ele já consegue suspender os medicamentos”, explica João Orávio.Destaque em mais um ano de Simpósio, o implante de válvula aórtica por catéter, que é realizado no Hospital de Matão e em outros hospitais da região, foi abordado pelo médico do corpo clínico da instituição, Dr. Said Assaf Neto, que destaca: “procedimentos como esse, que são intervenções percutâneas, sem necessidade de entubação ou sedação total, devem se tornar padrões, por isso, é importante trazê-los a eventos como esse”, ressalta.O evento de 2020 já tem data marcada, 26 de setembro. “Esperamos contar com grande público como esse ano. Acreditamos que é importante chegar até os médicos da região conhecimentos atualizados, para que eles possam ser disponibilizados para os pacientes, que são quem mais precisam”, encerra Orávio.

HOMENAGEM A FUMIO IWASHIMA Na ocasião, com a presença de membros do corpo clínico do hospital de Matão, o médico Fumio Iwashima, representado por sua filha, recebeu uma homenagem pelos 40 anos dedicados à instituição. A superintendente Denise Minelli ressaltou a importância em participar do evento. “Para nós, é motivo de muito orgulho realizar um evento de alto nível e com palestrantes renomados, ficamos em destaque e podemos mostrar aos presentes o trabalho que realizamos em nossa instituição.”, afirma Denise que ainda completa, “conseguimos fazer desse encontro um momento de celebração também, homenageando o cardiologista Fumio Iwashima, que fez história em nossa instituição, que esteve presente em todas as edições desse evento e que é muito querido por todos nós”, conclui.

AnteriorPróximo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X