Telefone: (16) 3383-2500
Agendamento de Exames: (16) 3506-5500

ECMO TEAM MATÃO! Mais um passo de excelência

O Hospital de Matão realizou a primeira etapa de treinamento para a formação de um time multidisciplinar de profissionais de saúde especializados em ECMO. Nos dias 3 e 4 de dezembro, a equipe da Smartperfusion e da Corção e Perfusão, lideradas por Júlio César Francisco e Cibele Sperone, estiverem no CEP – Centro de Ensino e Pesquisa do HCFM para o primeiro passo para a formação da ECMO TEAM MATÃO, ou o time especializado nessa técnica em Matão.
ECMO, ou Oxigenação por Membrana Extracorpórea (do inglês Extracorporeal Membrane Oxygenation), é uma técnica de suporte de vida extracorporal utilizada em doentes com falência cardiovascular ou pulmonar. Por intermédio de uma bomba, o sangue circula por um pulmão artificial fora do corpo e regressa reoxigenado à corrente sanguínea. Por se tratar de um procedimento considerado de alto risco, a técnica é recomendada somente para pacientes em estado grave, e que atendam a determinadas condições. Quando a ventilação mecânica já não consegue atender à demanda de oxigênio que o paciente necessita, a ECMO pode ser uma alternativa recomendável, promovendo equilíbrio da circulação sanguínea, e permitindo que pulmão e coração do paciente possam se recuperar. Embora a técnica exista há mais de 40 anos, os riscos que envolvem esse procedimento ainda são expressivos: pode ocorrer hemorragia, infecção, embolia, AVC.
A primeira ECMO foi realizada no Hospital de Matão no último mês de julho, graças aos cirurgiões cardíacos especialistas nesse procedimento, os doutores Gustavo Calado de Aguiar Ribeiro e Eduardo Toshimitsu Watanuki, ambos da Pontifícia Universidade Católica de Campinas, na ocasião já contando com o apoio da Smart Perfusion Brasil.
De acordo com o Chefe da UTI do Hospital de Matão, Dr. Flávio Borsetti, este é um sonho que se realiza: “Concluímos o primeiro passo de um sonho. O sonho de nos tornarmos um centro ECMO. Queria agradecer muito à equipe da Smartperfusion e da Corção e Perfusão nas pessoas do Júlio e da Cibele pelas brilhantes aulas teóricas e práticas e todo conhecimento que nos foi transmitido. Novas etapas virão pela frente e estaremos juntos, se Deus quiser!”
A ECMO ainda é uma técnica dispendiosa, não tem cobertura pelo SUS, nem consta no rol de procedimentos da ANS, ou seja, também não é coberto pelos planos de saúde.
Com todos os desafios, trata-se de mais um avanço da medicina que pode salvar muitas vidas, e num futuro próximo poderá se tornar viável à população.
Denise Minelli, superintendente do Hospital de Matão, disse que “o Hospital de Matão tem um compromisso com a excelência, e isso inclui as novas tecnologias”.

Veja a reportagem produzida pela TVM, da qual agradecemos pela parceria:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn

HCFM realiza SIPAT híbrida

Com a diminuição dos casos de COVID-19 o Hospital Carlos Fernando Malzoni conseguiu intensificar o treinamento visando aperfeiçoamento de seus colaboradores. Na semana entre 25 e 29 de outubro o HCFM realizou a SIPAT – Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho em formato híbrido, com público presencial limitado, e disponibilizou o acesso virtual.
Os colaboradores da CIPA – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes, SESMT – Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho, juntamente com o Recursos Humanos do Hospital de Matão organizaram o evento.
A Superintendente do Hospital, Denise Minelli, fez a abertura da SIPAT. Os temas abordados foram “Sexualidade e Doenças Sexualmente Transmissíveis”, pela Professora Lucele Schiavetto, Reginaldo Cordoa realizou uma palestra motivacional envolvendo mágicas, e abordando o tema “Alegria de Viver”, João Marcheti do AA – Alcoólicos Anônimos levou o seu testemunho falando sobre os perigos do alcoolismo, Bruna Letícia T. Silva falou sobre “Inteligência Emocional”, as enfermeiras Adriana R. Rodrigues e Keyle Oliveira abordaram o tema “Drogas e Tabagismo”; e finalmente Ana Paula Sampaio desenvolveu o tema “Reeducação Alimentar e Prevenção”.

Veja as imagens do evento:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn

Hospital de Matão inaugura 5 novos leitos de UTI

No dia 7 de maio de 2021 o Hospital Carlos Fernando Malzoni inaugurou a UTI-2 denominada “Dr. Luiz Torchio Neto”, uma homenagem ao médico infectologista matonense que se destacou como profissional e ser humano, que faleceu em 02/02/2021.

Pelas questões de segurança já conhecidas, a inauguração realizou-se em formato virtual, em ambiente apropriado dentro da instituição, com a presença do Assessor Jurídico do Hospital de Matão, Dr. Paulo Bernardi, a Superintendente do Hospital Denise Minelli, e o Diretor Presidente Sr. João Carlos Marchesan.

A cerimônia virtual teve a participação de convidados especiais, em espaço virtual exclusivo, como Baleia Rossi – Deputado Federal pelo MDB-SP, Ademir de Souza, Secretário de Saúde do Município de Matão, representando o Prefeito de Matão, Sr. Adauto Scardoelli, Ana Maria Freire da Silva Mondini – Presidente da Câmara Municipal de Matão, Alexandre Tachibana – Diretor da Empresa Cambuhy Agrícola Ltda., Sérgio Luiz Canassa – Gerente Geral da Controladoria da Citrosuco, e a Doutora Ana Maria Alcaide Thomaz – Médica Endocrinologista do Hospital Carlos Fernando Malzoni, que prestou uma homenagem especial ao Dr. Luiz Torchio Neto.

O evento virtual foi acompanhado pelo Facebook do Hospital de Matão, pelo Portal Hora1 e pelo Fala Matão.

No momento de descerramento da placa, o Hospital homenageou os colaboradores Renan Luiz Mesquita Caretta – Técnico de Enfermagem UTI, Clotilde Aparecida Paixão da Limpeza, Luceny Souza Rodrigues Copeira, Tânia Mara Estinati Araújo Fisioterapeuta, e Fabiana Cristina Rosa, Técnica de Enfermagem.

O principal destaque da nova UTI é o sistema de ar com pressão negativa. Nesse sistema, o ar é renovado ininterruptamente, promovendo a constante circulação de ar puro. Todas as portas da nova UTI possuem controle por identificação digital. A entrada principal possui um hall, que entrando pelo lado esquerdo, dá acesso à UTI já existente, com capacidade para 18 leitos, e para o lado direito dá acesso à UTI-2, recém inaugurada, com capacidade para 5 leitos.

Logo na entrada da UTI-2, pelo lado direito, existe um lavatório, para que todos que adentrarem possam se higienizar; do lado esquerdo, há um Posto de Enfermagem, com boa visibilidade para todos os cinco leitos, e estrutura moderna para atendimento. Os leitos A e B são exclusivos para isolamento, por isso contam com entradas exclusivas e banheiros privativos. Os leitos C, D e E ficam à esquerda do Posto de Enfermagem, e possuem lavatórios individuais. Essa Unidade também possui uma área de Expurgo, utilizada para despejo de líquidos, secreções, ou materiais que possam oferecer algum tipo de risco. Há ainda uma entrada exclusiva para os profissionais, com vestiário e local para troca das EPIs.

A nova UTI está em funcionamento desde o dia 10 de maio de 2021, e acolheu os pacientes que estavam na UTI COVID adaptada, ao lado do Centro Cirúrgico, e que será desativada.

Esta obra teve o apoio das empresas matonenses CITROSUCO e CAMBUHY, que doaram parte dos recursos para a construção dos 5 novos leitos de UTI.

A cidade de Matão dá mais um passo de excelência no atendimento de alta complexidade, com a inauguração da UTI-2 “Dr. Luiz Torchio Neto”.

A nova UTI denominada UTI – 2 “Dr. Luiz Torchio Neto” é uma homenagem ao médico infectologista muito querido na cidade.

Assista à cerimônia de inauguração neste link:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp

Momento de Oração pelo nosso Hospital

No dia 26 de abril de 2021 o Hospital Carlos Fernando Malzoni realizou mais um Momento de Oração, na portaria da Rua Siqueira Campos, às 19h00, em favor dos pacientes, médicos, e dos profissionais que estão na linha de frente no combate contra a COVID-19..
O Padre Emílio Carlos Mancini, Capelão do HCFM, conduziu a reza de um Terço, seguindo todos os protocolos de segurança, que foi transmitido pelas redes sociais e reuniu milhares de pessoas, de várias as denominações religiosas. A Superintendente do Hospital de Matão Denise Minelli também acompanhou presencialmente o evento, que ainda teve a participação de alguns fiéis.
Depois do momento de prece, Padre Emílio seguiu para o interior do Hospital, transladando o Ostensório, que representa a figura de Jesus, pelas dependências em que havia pacientes. O trajeto incluiu a UTI Neonatal, a UTI Adulto sem COVID, a UTI COVID e a Enfermaria COVID. Foram momentos  de comoção entre os colaboradores, que acompanharam a passagem do Santíssimo pelas dependências do Hospital.

Ao final do trajeto, o Capelão do HCFM fez um novo apelo à sociedade, para que continuassem ajudando o Hospital de Matão a angariar recursos para suportar os gastos com a UTI. A instituição passa por um momento muito delicado.
O Hospital de Matão está se esforçando ao máximo para salvar vidas, e lutando para que todos tenham a assistência necessária, ventilação mecânica, oxigênio, medicamentos, pois a luta contra a pandemia da COVID-19 ainda não terminou.

Por isso, o Hospital ainda pede ajuda da sociedade.

Para doar pelo sistema PIX o número do CNPJ é 52.314.861-0001-48.

Para depósito bancário a conta é do Banco Sicred – Ag. 3009 – número 05736-3.

Se desejar fazer outro tipo de doação, o telefone para contato incluindo Whatsapp é (16) 99602-5878.

Ou se preferir entre no site doeagora.hospitalmatao.com.br.

Momento de Oração pelo HCFM reúne milhares de pessoas

Um grande momento de oração aconteceu no dia 22 de março, defronte à UTI do Hospital Carlos Fernando Malzoni. O Padre Emílio Carlos Mancini, Capelão do HCFM, juntamente com o Padre Samir Silva, da Paróquia Divino Espírito Santo de Matão conduziram a reza de um Terço, seguindo todos os protocolos de segurança, que foi transmitido pelas redes sociais. O momento de oração foi acompanhado por milhares de pessoas, inclusive de outras denominações religiosas.
Em seguida às preces, os religiosos fizeram uma caminhada pelo interior do Hospital, transladando o Santíssimo pelas dependências em que havia pacientes, incluindo a UTI. A entrada na UTI-COVID foi um momento comovente. Todos os profissionais de saúde da equipe do Dr. Flávio Borsetti se ajoelharam diante do Santíssimo, numa manifestação de esperança e fé.
A pedido do Padre Emílio, centenas de fiéis colocaram a imagem de Nossa Senhora defronte às suas casas para acompanharem a transmissão.
Ao final do trajeto, o Padre Emílio fez um apelo à sociedade, para que doassem alimentos e recursos para o nosso Hospital que passa por um momento muito delicado.

CAMPANHAS

A sociedade matonense, sempre generosa às necessidades do próximo, têm se mobilizado dentro do possível. Comunidades religiosas, grupos de amigos, associações, grandes e pequenos empresários, ou simplesmente pessoas agradecidas ao Hospital, reconhecendo a sua importância centenária, estão ajudando.
O HCFM está se movimentando interna e externamente, buscando centralizar a entrada de recursos, tanto em bens materiais como em numerário.

A fila de pacientes agonizantes, aguardando um leito de UTI cresce, por isso o Hospital pede ajuda.

João Carlos Marchesan, Diretor do Hospital Carlos Fernando Malzoni fez um grande apelo: “nós não temos condições de absorver todos esses custos. Por isso precisamos contar com a ajuda da população e dos empresários neste momento difícil que estamos enfrentando. Estamos nos esforçando ao máximo para salvarmos vidas, para não deixarmos ninguém sem assistência, ninguém sem ventilação mecânica, sem oxigênio, sem medicamentos para que a gente possa vencer essa pandemia da COVID-19”.

Para doar pelo sistema PIX o número do CNPJ é 52.314.861-0001-48.

Para depósito bancário a conta é do Banco Sicred – Ag. 3009 – número 05736-3.

Se desejar fazer outro tipo de doação, o telefone para contato incluindo Whatsapp é (16) 99602-5878.

Ou se preferir entre no site doeagora.hospitalmatao.com.br.

Hospital fará live na próxima quinta-feira, 28

Live homenageará linha de frente de combate ao COVID-19

Um show especial em homenagem aos médicos e colaboradores do Hospital Carlos Fernando Malzoni será realizado na próxima quinta-feira, 28, na fachada histórica da instituição. “Pretendemos com esse show ao vivo, transmitir pela internet um pouco de leveza e solidariedade”, explica o Presidente da diretoria executiva, João Carlos Marchesan. O evento online reunirá artistas matonenses e terá uma plataforma voltada para doações, por meio de QR CODE, além de posto de coletas de doações durante a live e venda de máscaras personalizadas, na Rua Sinharinha Frota, defronte ao Hospital. “Nesse momento da pandemia, com a interrupção de procedimentos, cirurgias e exames eletivos, nossa arrecadação caiu bruscamente. Precisamos da ajuda da população para conseguir manter o único Hospital da cidade. O custo de manutenção do Hospital é muito caro, por isso, toda ajuda é bem vinda”, afirma Marchesan.

A live “SOMOS TODOS HCFM – Um tributo à linha de frente” terá início às 19h, na página oficial do Facebook do Hospital Carlos Fernando Malzoni e Youtube, e tem na programação músicos como Arlindo Zarbin com o grupo de chorinho “Bem Brasil”; a dupla “BelaMur”, com Isabela Gandini e Murilo Baldassa; o maestro Danilo Gomes e Leila Kfouri Bernardi em uma apresentação no piano. “Recebemos o apoio da equipe de cerimonial Silmara Lacerda, que já vem realizando eventos como esse na cidade, e doou o seu cachê para a instituição. Bem como a equipe de som e iluminação, comandada pela empresa Doy Timbres & Cores e, além da empresa Rectrato Digital, responsável pela transmissão ao vivo, que farão o evento de forma solidária para a instituição”, explica Marchesan.

Contamos com a colaboração da população matonense nesse momento, essa homenagem à nossa linha de frente é muito importante para enaltecer o trabalho que eles vem desempenhando no combate ao coronavírus. Teremos mais surpresas durante o evento virtual, então convidamos todos a participar dessa homenagem”, convida o Presidente do Hospital, João Marchesan.

 

 

Hospital inaugura o Centro de Convivência

No último dia 14, o Hospital Carlos Fernando Malzoni inaugurou o Centro de Convivência “Magnores Maurutto Galli (Dona Didi)”, em homenagem à família do empresário Antônio Galli. O novo espaço engloba os serviços de cafeteria e lanchonete, banheiro privativo e uma agência bancária exclusiva da Sicredi para os colaboradores, além de uma ampla sala de espera climatizada. A intenção da instituição foi proporcionar mais comodidade, tanto na espera de procedimentos cirúrgicos, quanto para exames e consultas dos pacientes, além de oferecer um local adequado para convivência dos médicos e demais visitantes. A solenidade contou com a presença dos membros da Diretoria Executiva do Hospital, como o presidente João Carlos Marchesan, o vice-presidente Reginaldo Vedoato e diretores: Nelson Francischini, Carlos Chiozzini e Roberto Cadioli. O Presidente da Câmara Municipal, Luiz Manzini também prestigiou o evento. Marcaram presença, a superintendente do Hospital, Denise Minelli; o diretor técnico, César Minelli; o diretor clínico, Luiz Cerqueira; além de médicos, colaboradores e parceiros, como o presidente da Sicredi de Araraquara, Leopoldo Carvalho de Oliveira Neto. O Centro de Convivência “Magnores Maurutto Galli (Dona Didi)” já está em funcionamento.A obra moderna foi construída com recursos destinados ao Hospital pelo Sicredi e homenageia Dona Didi, mãe de Margarete e Antônio Galli. Na ocasião, os filhos e familiares de Dona Didi receberam mimos e a placa foi descerrada. Antônio Galli, que frequentemente busca maneiras de ajudar a instituição, aproveitou para anunciar a doação de quinze colchões pneumáticos para a Unidade de Terapia Intensiva do Hospital, e a vinda de uma verba de R$ 1 milhão, adquirida por intermédio de seu filho, Marquinho Galli, presidente do MDB, junto ao deputado federal Baleia Rossi.

João Marchesan falou sobre as obras que estão sendo feitas para as adequações do hospital e da importância da parceria do Galli. “Nós estamos trabalhando muito forte para adequar o nosso hospital. Os recursos que tínhamos disponíveis estão sendo empregados na reforma do Pronto Socorro que irá oferecer um atendimento mais humanizado aos pacientes. Reformamos toda a maternidade, a frente do hospital, desde a recepção até o Centro Cirúrgico. Agora, estamos entregando o Centro de Convivência que trará mais conforto para os familiares dos pacientes e também para os profissionais que terão um local de encontro para trocar informações, tomar um café e descansar”. João destacou a homenagem à família Galli. “Conheço o Galli desde os doze anos de idade, trabalhou na Marchesan, e hoje se tornou um grande empreendedor, batalhador, além disso, temos uma parceria muito boa com ele, portanto, essa homenagem à sua mãe é para perpetuar o nome da família em nossa cidade, afinal eles tem colaborado muito com a nossa comunidade”,finaliza.

Dona Didi faleceu aos 94 anos de idade em agosto deste ano e a homenagem emocionou toda família que esteve presente. “Ela me deu uma educação para que quando eu crescesse, não esquecer das pessoas que mais precisam, e através de nossos negócios, nós temos ajudado várias instituições, e, por isso, me sinto muito feliz em ter esta oportunidade de ajudar o nosso hospital. Aproveito para agradecer toda a diretoria do hospital pelo bem que estão fazendo colocando o nome de minha mãe, que será para sempre lembrado aqui neste espaço”, diz Galli

Segundo Denise, o novo espaço que fica em frente ao centro cirúrgico, será muito importante para os usuários e toda comunidade de matão e região que frequentam o hospital. “ É um espaço de convivência humanizado, onde as pessoas podem se distrair e descansar, não só do estresse físico, mas o estresse psíquico que é muito comum em um hospital principalmente para aqueles que aguardam uma cirurgia, por exemplo. Antes, as pessoas ficavam em um sofá no corredor e nós queríamos melhorar isso. Todos os acompanhantes, médicos, funcionários, em algum momento, terão agora um local agradável para tomar um café , uma água ou mesmo para sentar e conversar. Portanto, estamos muito felizes com essa inauguração e em proporcionar este local tão gostoso para a população”, ressalta.

O presidente da Sicredi, Leopoldo Carvalho de Oliveira Neto fala da satisfação em poder colaborar com a instituição. É motivo de muito orgulho para todos nós da Sicredi em poder fazer a doação deste espaço muito representativo e que era um anseio da administração para melhorar o ambiente. Um espaço onde as pessoas poderão aguardar quem está fazendo uma cirurgia ou quem está internado. Um lugar muito aconchegante e estamos aqui cumprindo mais uma etapa social para a comunidade matonense”, relata.

 

Descerrada placa da 10ª turma do internato de medicina do Hospital de Matão

O Hospital Carlos Fernando Malzoni recebeu na última terça-feira, 19, a visita da 10ª turma de Medicina da Universidade de Araraquara. Os alunos que integraram o internato em Medicina da instituição, participaram da cerimônia de descerramento da placa da turma. A solenidade contou com a presença de membros da Diretoria Executiva, como o vice-Presidente, Reginaldo Vedoato e o diretor Roberto Cadioli. Também estiveram presentes a superintendente Denise Minelli, bem como o coordenador do curso de Medicina da Uniara, Profº Dr. Valter Figueiredo, além da coordenadora do Departamento de Ensino, Ana Claudia Rodrigues.

Na ocasião, os formandos puderam homenagear os médicos preceptores que os acompanharam durante o período de aprendizado dentro da instituição, como os cirurgiões Dr. João Guimarães Junqueira Neto, Dr. Charles Almeida Jr. e Dr. Jose Silvio Rizzo, este último que recebeu como homenagem o nome da 10ª turma de formandos.

IV SINPACI aborda novas tecnologias

No último dia 26 de outubro, o Hospital Carlos Fernando Malzoni, por meio do seu Instituto Cardiovascular, realizou o IV SINPACI (Simpósio Nordeste Paulista de Cardiologia Intervencionista), no Araucária Flat Hotel, em Araraquara. O evento, idealizado pelos médicos cardiologistas intervencionistas, João Orávio de Freitas Jr., Said Assaf e Sérgio Berti, chega em sua quarta edição, voltando os olhos da cardiologia intervencionista para o interior do estado. Na programação, além de nomes conhecidos na cidade como a superintendente do Hospital de Matão, Denise Minelli e o diretor técnico da instituição, Dr. César Minelli, renomados profissionais puderam compartilhar conhecimento científico de ponta.O objetivo do evento foi discutir os avanços e o futuro da cardiologia intervencionista, direcionando médicos e estudantes de medicina em três temáticas atuais como: a intervenção nos cenários de alto risco hemorrágico; as fronteiras no manejo da doença coronária obstrutiva; e a intervenção percutânea nas cardiopatias estruturais (TAVI).Para o coordenador do Centro de Hemodinâmica de Matão, Dr. João Orávio de Freitas Jr., encontros como esse são fundamentais para atualização e debates de novas ideias. “O simpósio proporciona aos cardiologistas e demais profissionais da saúde da região o acesso a informações atualizadas sobre temas importantes da cardiologia intervencionista. Contamos com a presença de médicos que são referências na área para transmitir esses conhecimentos aos cardiologistas”, comenta o hemodinamicista.Contemplando assuntos que vão desde o cardiologista clínico ao intervencionista, as discussões demonstraram que as novas tecnologias trouxeram mais segurança aos procedimentos. “Os stents foram ao longo do tempo ganhando melhorias tecnológicas em sua usinagem e confecção para maior biocompatibilidade e para que não cause doenças adicionais. Além disso, durante a adaptação, o paciente precisa tomar medicamentos para afinar o sangue, e com essa nova arquitetura do stent em apenas um mês ele já consegue suspender os medicamentos”, explica João Orávio.Destaque em mais um ano de Simpósio, o implante de válvula aórtica por catéter, que é realizado no Hospital de Matão e em outros hospitais da região, foi abordado pelo médico do corpo clínico da instituição, Dr. Said Assaf Neto, que destaca: “procedimentos como esse, que são intervenções percutâneas, sem necessidade de entubação ou sedação total, devem se tornar padrões, por isso, é importante trazê-los a eventos como esse”, ressalta.O evento de 2020 já tem data marcada, 26 de setembro. “Esperamos contar com grande público como esse ano. Acreditamos que é importante chegar até os médicos da região conhecimentos atualizados, para que eles possam ser disponibilizados para os pacientes, que são quem mais precisam”, encerra Orávio.

HOMENAGEM A FUMIO IWASHIMA Na ocasião, com a presença de membros do corpo clínico do hospital de Matão, o médico Fumio Iwashima, representado por sua filha, recebeu uma homenagem pelos 40 anos dedicados à instituição. A superintendente Denise Minelli ressaltou a importância em participar do evento. “Para nós, é motivo de muito orgulho realizar um evento de alto nível e com palestrantes renomados, ficamos em destaque e podemos mostrar aos presentes o trabalho que realizamos em nossa instituição.”, afirma Denise que ainda completa, “conseguimos fazer desse encontro um momento de celebração também, homenageando o cardiologista Fumio Iwashima, que fez história em nossa instituição, que esteve presente em todas as edições desse evento e que é muito querido por todos nós”, conclui.

X