Telefone: (16) 3383-2500
Agendamento de Exames: (16) 3506-5500

Equipe Multiprofissional visita Anhanguera

A equipe multiprofissional do Hospital Carlos Fernando Malzoni, esteve presente na 8ª Semana Acadêmica da Faculdade Anhanguera de Matão. Abordando os desafios da humanização, bem como a atuação da equipe dentro do contexto hospitalar, os profissionais puderam expor os trabalhos para os alunos dos cursos de Psicologia, Serviço Social e Pedagogia.

Representando todos os profissionais, participaram do evento a assistente social Natalia Vedroni, o nutricionista Peterson Waitman, a fisioterapeuta Roberta Quarteiro, a enfermeira Gabriela Hespanholo e a psicóloga Érica Silva.

Confira as fotos!

GTH realiza dia “D” do Colaborador

O Grupo de Trabalho Humanização, em comemoração ao Dia do Trabalhador, realizou o “Dia D” do Colaborador, procurando cuidar da saúde dos funcionários da instituição. Reunindo a sua equipe multiprofissional, os colaboradores receberam orientações de cuidado com a saúde, dicas sobre postura no ambiente de trabalho com fisioterapeuta, tiveram a disposição profissionais de diversas áreas como nutricionista, fonoaudióloga, psicóloga, dentista e assistentes sociais.

O evento contou com a parceria do curso Técnico de Enfermagem da ETEC Sylvio de Mattos Carvalho, os alunos puderam aferir a pressão arterial e medir a glicemia dos colaboradores que compareceram. O Serviço de Nutrição e Dietética ofereceu um café da manhã saudável.
Confira a primeira parte das fotos!

Café da Manhã comemora Dia da Mulher

O Grupo de Trabalho de Humanização, com apoio do Serviço de Hotelaria, realizou um café da manhã especial para as mulheres do Hospital Carlos Fernando Malzoni nesta sexta-feira, 8. Em comemoração a data do Dia Internacional da Mulher, as colaboradoras puderam desfrutar de um café da manhã especial, além de desfrutarem de um momento de beleza com mimos recebidos pelo Atacarejo da Beleza e Genial Perfumaria.

Para a assistente social Natalia Vedroni, a ação visa quebrar a rotina do dia a di. “O GTH acredita que essa é uma data de celebração e tivemos uma resposta muito positiva das colaboradoras, mais de 400 passaram pelo local somente no horário da manhã e puderam aproveitar o que foi preparado”, afirma.

Confira as fotos!

Hospital inaugura Cantinho da Amamentação

Espaço é destinado para as colaboradoras mães que retornam ao trabalho

Pensando na comodidade e segurança da colaboradora que retorna ao trabalho pós licença-maternidade, o Hospital Carlos Fernando Malzoni inagurou na última semana o Cantinho da Amamentação. “O cantinho foi pensando de forma a proporcionar um espaço cômodo e tranquilo para as colaboradoras seguirem com a amamentação. Mais de 90% da nossa força de trabalho é feminina, por isso, esse espaço vem de encontro com as políticas de humanização, disponibilizando esse local para as funcionárias terem um momento tranquilo com o bebê”, explica a superintendente do Hospital, Denise Minelli. Localizado no Centro de Atendimento Materno Infantil, o cantinho será um refúgio dentro da jornada de trabalho para a colaboradora manter a amamentação.

De acordo com o gerente de Recursos Humanos da instituição, a infraestrutura foi montada com foco na higienie e tranquilidade. “Pensamos em montar esse espaço fora das instalações do Hospital e próximo ao Posto de Coleta de Leite Humano, que dará o apoio e orientação para mãe”, afirma José Venção, que ainda completa, “o ambiente de trabalho deve acolher a mulher que amamenta e está retornando da licença maternidade, já que é um período delicado e, por vezes, de difícil adaptação para ela e o bebê”, diz. Venção esclarece que, a partir da CLT, durante a jornada de trabalho de 8 horas ou mais, a colaboradora que é mãe tem direito a dois descansos especiais, de meia hora cada, para amamentar seu filho, até que ele complete seis meses de idade.

A coordenadora do Posto de Coleta de Leite Humano, Thais Baldan, acredita que amamentação e trabalho podem sim ser uma combinação que funciona. “A instalação dessa sala de apoio é fundamental para o sucesso do aleitamento. Sem dúvida, as principais beneficiadas são as crianças. Quando o bebê não puder chegar até o hospital para ser alimentado, a mãe tem um espaço com infraestrutura e higienizado para fazer a retirada e armazenamento do leite e, ao final do expediente, pode levar o alimento para a casa”, ressalta Thais.

Para Denise Minelli, o Cantinho da Amamentação servirá de exemplo para que outros locais, tanto públicos, quanto privados, tenham a iniciativa de organizarem espaços semelhantes. “É importante que a mulher saiba que tem o apoio da empresa, algumas ainda fazem o desmame precoce por conta da volta ao trabalho. Essa situação vem se modificando e estamos fazendo a nossa parte com esse projeto”, conclui.